top of page
  • Foto do escritorNelson Yokota

Substratos pra plantas

Atualizado: 7 de jun.

Na hora de cuidar do seu jardim você já pode ter se deparado com um dilema, o manuseio do substrato. Como escolher o ideal para suas plantas, o que é, devo ou não usar nas minhas plantas, qual devo usar. Hoje a Casa Das Plantas vai te ajudar a esclarecer todas as suas dúvidas sobre esse composto e te dar dicas de como usar esse produto em suas plantas.



O meio onde a semente irá se desenvolver é tão importante quanto o lugar em que o vaso vai ficar, a quantidade de luz solar que vai receber e também a rega. Existem vários tipos de substratos, argiloso, arenoso e com mais matéria orgânica. O que vai ser considerado para escolher o tipo certo de substrato é a necessidade de cada planta, se ela se adapta com mais ou menos água, oxigenação das raízes e nutrientes específicos necessários. Por exemplo quando fazemos a rega de uma planta tapamos todos os poros por onde entra o ar realizando essa oxigenação, e alguns substratos retêm mais a água ou deixam escorrer mais agindo diretamente nesse processo.



Esse importante composto para as plantas é feito de uma matéria principal como areia, terra, chips ou alguns elementos de matéria orgânica, isso mimetiza o habitat natural. Ao contrário do que alguns acreditam, o substrato não é o mesmo que adubo. Enquanto o adubo é a fonte por onde a planta vai se alimentar dos nutrientes, o substrato é o meio de fixação onde a vai ser cultivada.



Analisar o habitat natural da espécie é um fator essencial, por exemplo plantas epífitas como orquídeas e bromélias crescem em árvores ou pedras na natureza e precisam de um substrato mais grosseiro. Manter o substrato rico e adubado também é essencial para um bom desenvolvimento da espécie, visto que as plantas não possuem autonomia pra buscar nutrientes e precisam desse cuidado de quem as cultiva.

orquídeas
bromélias

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page