top of page
  • Foto do escritorAndré Possolli

Cactos dentro de casa

Você quer ter um cacto dentro de casa, mas tem medo da planta não se adaptar muito bem?


Sabemos que os cactos e as suculentas são plantas de sol pleno, de clima desértico e que recebem sol o dia todo, mas elas também se adaptam em ambientes com menos claridade. Então a primeira dica é: coloque seu cactos ao lado da janela, no lugar com maior claridade possível. O ideal é que ele pegue sol pelo menos metade do dia em sua estrutura.


Assim como as plantas que utilizam sua folha para fazer fotossíntese, para absorver a luz solar, os cactos utilizam seu caule, sua parte verde, o lugar em que ela absorve a luz e faz fotossíntese. A euphorbia mandacaru é uma excelente opção para ter dentro de casa, em um ambiente com muita claridade. Também o cactos parafuso, que é nativo do Paraná. São opções que você pode ter dentro de casa, com boa claridade.

Uma coisa importante também é que esse lugar além de bem iluminado seja bem ventilado. Outra dica, e talvez a mais importante, é: cuide muito bem com a rega, se você molhar demais ele vai apodrecer com muita facilidade. O ideal é molhar só quando ele estiver bem seco. É aconselhável para se ter um cactos dentro de casa, que nesse lugar escolhido tenha bastante claridade, e molhar no máximo uma vez por mês.


Existem situações em que a rega acontece uma vez por ano. Essas plantas, hoje em dia, são produzidas em estufas, lugares que já tem uma incidência solar reduzida, então é muito fácil que ele se adapte em um ambiente interno.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page